Ver todas as nossas ofertas de Natal

Hidratos de carbono NutriSport

Os hidratos de carbono, carboidratos ou glúcidos, são a base nutricional de qualquer desportista e devem fazer parte de 60% a 70% da ingestão de energia da sua dieta, uma vez que são a fonte principal de energia do organismo, principalmente em exercícios prolongados ou contínuos de alta intensidade. Quanto mais intenso for o exercício realizado, mais hidratos de carbono são utilizados como fonte de energia. Os produtos desta categoria de nutrição desportiva foram formulados especificamente para proporcionar uma maior quantidade de energia ao atleta durante os treinos. Mais informação

Seleccione até 4 produtos a comparar

  • É a fonte de energia ideal para qualquer desportista que deseja treinar intensivamente, atrasando a fadiga muscular.
    NutriSport Carbo Energy - 1kg morango
    0 Estrelas (0)
    • Objectivo: Energia
    • Administação: Pré e Pós Treino
  • É a fonte de energia ideal para qualquer desportista que deseja treinar intensivamente, atrasando a fadiga muscular.
    NutriSport Carbo Energy - 1kg laranja
    0 Estrelas (0)
    • Objectivo: Energia
    • Administação: Pré e Pós Treino

Guia de compra de hidratos de carbono


Os desportistas precisam consumir hidratos de carbono suficientes para:

  • · Aumentar o rendimento durante os treinos
  • · Satisfazer a maior proporção possível das necessidades calóricas
  • · Recuperar os músculos após a realização de uma actividade física
  • · Reservar glicogénio muscular e manter um bom rendimento
  • · Poupar proteínas

Além disso, proporcionam benefícios para a saúde como o aumento da sensação de saciedade, o retraso da sensação de vazio no estômago, diminuição da absorção de substâncias como o colestrol ou a redução da subida dos níveis de açúcar no sangue.

Índice glicémico

O índice glicémico é um valor numérico atribuído aos alimentos e produtos com hidratos de carbono, para conhecer a resposta glicémica que terá o corpo após o seu consumo. Este índice é uma referência do tempo que os hidratos de carbono demoram a ser decompostos em glicose e chegar ao sangue. Um índice glicémico elevado (superior a 70), indica uma absorção rápida e um aumento dos níveis de açúcar no sangue, enquanto que um índice glicémico baixo (inferior a 55), equivale a uma absorção mais lenta e a um efeito moderado no aumento dos níveis de glicose no sangue.

Por isso, os produtos de nutrição desportiva com um IG alto proporcionam um pico de energia pouco tempo depois de serem consumidos e os produtos com um IG baixo proporcionam um nível de energia repartido ao longo do tempo de forma mais prolongada.

Como se encontram normalmente os hidratos de carbono nos suplementos desportivos?

Glicose

É o monossacárido mais importante no nosso metabolismo e é formado por seis átomos de carbono. É o principal combustível das células, músculos e do cérebro e é facilmente solúvel em água. É a molécula que serve de referência para determinar o índice glicémico no sangue. Durante o exercício, serve como fonte de energia, mantendo os níveis de glicémia e de rendimento ao mesmo tempo que atrasa da fadiga.

Fructose

É um monossacárido com uma fórmula química semelhante à da glicose, mas com uma estrutura molecular diferente. A ingestão de fructose durante o exercício ajuda a atrasar a fadiga e, após o exercício, contribui para a recuperação dos depósitos musculares e hepáticos de glicogénio. Juntamente com outros hidratos de carbono, a fructose melhora a taxa de oxidação da glicose e, ao proporcionar energia com um nível glicémico menor, proporciona energia de forma mais progressiva do que se consumisse apenas glicose.

Amilopectina

É uma molécula de grandes dimensões e alto peso molecular que constitui cerca de 75% do amido. Apesar de ser considerada um hidrato de carbono complexo por ser formada por várias moléculas de glicose, a sua digestão é relativamente rápida. Por isso, a amilopectina proporciona energia de digestão fácil e tem uma disponibilidade rápida para repôr os músculos, atrasando a fadiga, prevenindo a hipoglicémia e melhorando o rendimento, principalmente em exercícios de resistência de longa duração.

Maltodextrina

É um polímero de alto índice glicémico, adequado para momentos nos quais o glicogénio se esgota e é necessário repôr energia rapidamente (após treinos ou em exercícios de longa duração). Por isso, a ingestão de maltodextrina durante o exercício atrasa a fadiga e melhora o rendimentos, enquanto que a sua ingestão após o exercício contribui para a recuperação dos depósitos musculares e hepáticos de glicogénio.

voltar

Ligações que lhe podem interessar sobre Hidratos de carbono