Ver todas as nossas ofertas de Natal

Multifunções Weider

As Multi-estações são máquinas de musculação que integram numerosas possibilidades e vantagens de treino com pesos e bancos de musculação. Com diversas opções de exercício como Poleia Alta, Poleia Baixa, Butterfly, Curl de Bíceps, Bench Press, Acessório de Pernas, etc. dependendo do modelo, são muito práticas para desenvolver a força e definir a musculatura, com séries de exercícios completas e adaptadas ao utilizador. Mais informação

Seleccione até 4 produtos a comparar

  • Mais robusta que a Weider Pro 4000. Permite trabalhar com roldana alta, roldana baixa, pupitre para biceps, leg lever, butterfly e bench press
    Multiestação Weider Pro 4500
    4.9 Estrelas (13)
    • Torre de Placas: 85 Kg
  • Exercicio guiado muito seguro e torre de pesos de 65Kg
    Multiestação Weider Pro 9900
    4.3 Estrelas (3)
    • Torre de Placas: 70 Kg

Guia de compra de uma Multi-estação


Escolher uma multi-estação que se adapte às suas necessidades, espaço e objectivos é importante. Por isso, apresentamos de seguida uma série de pontos, com as suas respectivas indicações, que podem servir-lhe de guia quando decidir comprar uma multi-estação:

  • 1) Opções de exercício
  • 2) Coluna de peso
  • 3) Estrutura e solidez
  • 4) Ajustes e Conforto
Multi-estação

1) Opções de exercício

Dependendo do modelo, a multi-estação pode incluir mais ou menos possibilidades de exercícios, destinados tanto o trem inferior como superior. Algumas das estações que estas máquinas podem incluir são: Poleia Alta, Poleia Baixa, Butterfly, Curl de Bíceps, Supino, Barra Larga ou Latissimus, Leg Lever.

  • Poleia Alta: Serve para trabalhar as costas e os ombros de forma precisa e eficaz.
  • Poleia Baixa: Serve para trabalhar as pernas (glúteos) e também para exercitar dorsais, trapézios, tríceps e deltóides.
  • Butterfly: Serve para trabalhar o peito, principalmente os peitorais.
  • Supino: Serve para trabalhar os peitorais, ombros e deltóides.
  • Leg Lever: Serve para trabalhar os quadríceps, a flexão e a extensão de pernas.

Com estes postos de trabalho, é possível realizar alguns exercícios como aqueles que sugerimos de seguida:

  • Trem inferior:
  • · Exercícios de extensão lombar.
  • · Exercícios de flexão do tronco para treinar abdominais com poleia alta.
  • · Exercícios de barra para treinar os glúteos.
  • · Exercícios de barra para treinar os quadríceps.
  • · Exercícios de barra para treinar os gémeos.

  • Tren Superior:
  • · Exercícios de tríceps em poleia alta.
  • · Exercícios de tríceps em poleia baixa.
  • · Exercícios de supino para a musculatura peitoral.
  • · Exercícios de supino para a musculatura peitoral.
  • · Exercícios de elevações altas para treinar os deltóides.

Multi-estação

2) Colunas de peso

Todas as estações incluem uma coluna de carga, constituída por placas de peso. Esta coluna, situada na parte traseira da máquina e com um número maior ou menor de pesos em função do modelo, é o que permite estabelecer uma resistência fixa durante o treino. Uma resistência que poderá variar em qualquer momento de acordo com os seus objectivos e necessidades. Se tiver os objectivos do seu treino bem definidos, poderá ser do seu interesse escolher uma multi-estações com uma coluna de pesos mais ou menos completa.

3) Estrutura e solidez

O material com o qual é fabricada uma multi-estação determina a sua solidez e, quanto mais sólida for a estrutura, mais estável e cómodo será o treino. Da mesma forma, deve ter em conta o peso máximo que a multi-estação pode suportar, de modo a garantir um exercício ideal.

4) Ajustes e Conforto

Para que o exercício seja o mais cómodo e eficaz possível, a multi-estação deve permitir diversos ajustes, principalmente do assento. A maioria das multi-estações profissionais preparadas para um treino regular possuem esta função, transmitindo conforto e precisão a cada movimento.

voltar

Ligações que lhe podem interessar sobre Multifunções